quarta-feira, julho 17, 2024
spot_img
InícioLeiturasLivros MágicosAntigo Breviário de Rezas e Mandingas - N.A MOLINA

Antigo Breviário de Rezas e Mandingas – N.A MOLINA

image_pdfimage_print

Esta postagem é voltada a indicações de leituras, resenhas, sugestões, comentários…
O Universo e Cultura é uma comunidade virtual onde permitimos que os nossos usuários compartilhem seus textos e conteúdos, desde que estejam de acordo com os nossos termos e legislações vigentes. É possível reportar alguma possível violação de direitos 
clicando aqui.

 

Sinopse do autor: Neste volume, o caro leitor encontrará de tudo, desde os tempos mais remotos até os nossos dias. Desta forma, procurei juntar neste trabalho tudo que me foi possível, sobre rezas, mandingas e preces, finalizando com uma parte de métodos de curas usados desde os tempos mais remotos, usados ainda hoje por todos nós. Ao relerem este breviário, encontrarão a lembrança de nossos antepassados, não só os do século passado, mas também os mais remotos.

Ao lerem estas páginas, cada um de vocês encontrará a lembrança do passado dizendo, ou pensando em palavras ‘de um amigo, um parente que ‘lhes trará na mente um destes métodos usados por seus avós, seus bisavós, ou mesmo por um preto velho, por nós conhecido, pois eles foram os maiores mandingueiros e rezadores. Eu mesmo, ao escrever estas linhas, trago sempre na lembrança as palavras ditas certa vez por minha esposa, pois ela tivera no passado uma preta velha, que todos na família o chamavam de Vovó Alzira. Ela fora em tempo muito remoto, comprada pela família como escrava, mas nunca fora tratada como tal, e sim como Vovó Alzira, que por sua vês a todos chamava de neto, ou de filho, pois ela era uma verdadeira mandingueira. Segundo os familiares de minha esposa contam, viveu 126 anos, e com esta idade ainda rezava, praticava suas mandingas, e a todos tratava e curava utilizando-se só de ervas e frutos, nunca usou óculos, e ainda, no fim de sua idade, costurava e bordava.
Este, caro leitor, é um dos exemplos do qual sou testemunha, portanto está claro que os métodos, curas e rezas usados na antiguidade ainda hoje são praticados em nosso meio, pois os pretos velhos, os negros assim chamados, os trouxeram para que esta marca de passagem por nossa terra seja lembrada por nós, pelos anos que viveram, utilizando e revivendo por várias gerações o que nos foi deixado, os antigos métodos de rezar, de curar e de mandingar, métodos estes que passarão de pai para filho, pois no meu entender é a maior e melhor lembrança que nos fora deixada por jiossos antepassados.
Saravá todo o Seu Povo.
Autor: N.A. Molina
Editora: Espiritualista

 

SUGESTÕES DE LEITURA
+ AMOR E - ÓDIOspot_img

NOVIDADES